Acidente na rodovia Chapada dos Guimarães a Cuiabá mata pai e filho

Acidente da rodovia Chapara dos Guimarães a Cuiabá -  Dois motociclistas morreram na noite desta sexta-feira (13), por volta das 21 horas, na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251), que liga Cuiabá à cidade de Chapada dos Guimarães, após colidir com uma carreta que estava parada na pista.

De acordo com informações policias, os motociclistas não enxergaram a veículo que estava com o pneu furado e ocupava praticamente toda a pista, já que a estrada não possui acostamento adequado para caminhões de grande porte.

Quando conseguiram avistar a carreta, os pilotos não conseguiram frear e com a colisão morreram na hora. O trânsito está congestionado por quilômetros. O acidente aconteceu no quilometro 35 da rodovia.

Mesmo com a proibição do tráfego de carretas e caminhões por se tratar de uma estrada parque, estes tipos de veículos pesados continuam rodando sem nenhum tipo fiscalização por parte das autoridades estaduais, conforme denunciou o Olhar Direto ainda esta semana.

Por volta das 22h20 rabecão do IML e o Corpo de Bombeiros chegaram ao local para retirada dos corpos.

Motociclistas eram pai e filho

As duas vítimas fatais de um grave acidente envolvendo uma motocicleta e um caminhão na noite dessa sexta-feira (13), na Rodovia Emanuel Pinheiro, que liga Cuiabá à Chapada dos Guimarães, eram pai e filho.

Segundo a Polícia Militar, eles morreram após colidirem com um caminhão que estava estacionado na pista. No momento do acidente chovia muito e os dois estavam apenas em uma moto, não em duas como o Olhar Direto havia divulgado anteriormente.

Pai e filho foram identificados como Zózimo Santos de Almeida, 46 anos, e José Carlos de Almeida, 17. Eles morreram na hora.

As informações repassadas pela PM são de que o trânsito ficou lento na estrada que liga a capital mato-grossense a Chapada dos Guimarães, por pelo menos duas horas, quando foi encerrada perícia e os corpos encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML)

Fonte: Olhar Direto

Twitter: @bomdiamt

Esta entrada foi publicada em Acidentes e Violência. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>